Pai de Jô diz que técnico do Nagoya Grampus “não gosta de brasileiros” e apoia retorno ao Corinthians

Contrato do atacante com o clube japonês dura até o fim de 2020; destino é incógnita

0
883

Ainda que a diretoria do Corinthians não tenha feito nenhum pronunciamento oficial, corre nos bastidores a possibilidade de um contato com o atacante Jô, com intenção de trazê-lo de volta ainda esse ano para o Timão.

Segundo apuração do portal Meu Timão, a diretoria do Alvinegro intensificou as conversas com o atacante, no futebol japonês há duas temporadas, visando negociação. Isso ocorre porque Jô teria perdido espaço no Nagoya Grampus e cultivado desgastes com o treinador Massimo Ficcadenti.

O próprio Meu Timão fez contato com o pai de Jô, que confirmou em entrevista a possibilidade de que os problemas do atleta com o técnico italiano eram, de fato, verossímeis, motivo que pode levar à saída do atacante.

[…] Eu sei que esse treinador não é muito chegado em brasileiro, ele prefere trabalhar com os japoneses e os que ele traz” – afirmou Francisco, pai de Jô, que também se pronunciou positivamente sobre eventual volta do filho ao Timão:

Ah sim, a gente mora aqui no Tatuapé, perto do Corinthians. A família gosta muito do Corinthians e ele tem uma identificação muito grande. Eu gostaria muito, mas não depende diretamente só de mim. Temos que esperar um pouco, mas acredito que se houver uma conversa boa pode sair algo, quem sabe […]” – completou.

Identificação com o Corinthians é o que não falta a Jô, bem como um lugar na história do clube. Cria do Parque São Jorge, foi o jogador mais jovem a entrar em campo pelo Timão, quando estreou, em 2003, aos 16 anos e três meses. Permaneceu no clube até 2005, ajudando na conquista do Campeonato Brasileiro daquele ano.

O retorno em 2017: já com grande rodagem nacional e internacional, o atacante foi repatriado pela primeira vez ao Timão como esperança de gols para a temporada de 2017, e correspondeu marcando gols importantes e conduzindo o time às conquistas do Campeonato Paulista e Brasileiro daquele ano.

Tá na história: Jô foi essencial na campanha do hepta do Corinthians, em 2017; (Foto: Instagram oficial do jogador)

Jô tem, ao todo, 117 partidas pelo Corinthians, marcando 31 gols.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here