Fluminense pode voltar a mandar jogos nas Laranjeiras em 2020

Estádio histórico do Flu não é usado pelo time principal desde 2003

0
922
Rio de Janeiro - 30/03/2019 - Laranjeiras. Fluminense enfrenta o Cresspom esta tarde em Laranjeiras pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A2 2019. FOTO: LAÍS PATRICIO / FLUMINENSE F.C. IMPORTANTE: Imagem destinada a uso institucional e divulgação, seu uso comercial está vetado incondicionalmente por seu autor e o Fluminense Football Club.É obrigatório mencionar o nome do autor ou usar a imagem. . IMPORTANT: Image intended for institutional use and distribution. Commercial use is prohibited unconditionally by its author and Fluminense Football Club. It is mandatory to mention the name of the author or use the image. . IMPORTANTE: Imágen para uso solamente institucional y distribuición. El uso comercial es prohibido por su autor y por el Fluminense Football Club. És mandatório mencionar el nombre del autor ao usar el imágen.

Segundo uma fonte ligada ao presidente Mário Bittencourt, em informação apurada pelo site Mais que um Jogo, o Fluminense estuda a possibilidade de uma solicitação para receber as partidas no clássico estádio Manoel Schwartz, popularmente conhecido como “Estádio das Laranjeiras”.

O estádio, localizado no bairro das Laranjeiras, Zona Sul do Rio de Janeiro, foi berço do Tricolor Carioca durante grande parte de sua história, mas não recebe uma partida do time principal desde o empate contra o Americano pelo Campeonato Carioca 2003.

Daquele momento em diante, o clube, visando maior público, optou por mandar seus jogos no Maracanã, e, eventualmente, João Havelange (Engenhão), atualmente batizado de Nilton Santos. Hoje, porém, diante da possibilidade de que o desfecho do Campeonato Carioca, bem como o decorrer da Copa do Brasil e início do Brasileiro, sejam disputados com os portões fechados, o estádio com capacidade para pouco menos de 20 mil pessoas foi reconsiderado.

“Quando os jogos voltarem, devem acontecer onde ofereça mais segurança aos atletas. A tendência é acatarmos o desejo dos clubes. Não vejo obstáculo”, afirmou Rubens Lopes, presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ), à Rede Bandeirantes.

O Fluminense não deverá ser o único a solicitar o mando de jogos em estádios de menor porte. O Flamengo também considera a opção de mandar partidas no estádio José Bastos Padilha, a Gávea. Logística e capacidade de público não serão obstáculos, uma vez que a torcida não se fará presente.

Botafogo e Vasco deverão seguir em seus próprios estádios; Nilton Santos e São Januário, respectivamente.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here