Último a chegar, volante é apresentado no Vasco

Allan Leibovici

, Vasco

Lucas Mineiro foi o oitavo e último reforço contratado pelo Vasco até agora e, finalmente, foi apresentado, após praticamente o final da pré-temporada. Em Atibaia, ele recebeu a camisa das mãos de Alexandre Faria, diretor executivo do clube.

Alexandre Faria e Lucas Mineiro na apresentação do volante ( Foto: Rafael Ribeiro | Vasco )

“Sou um cara bem tranquilo e que valoriza bastante essa oportunidade. É uma grande chance e vou procurar trabalhar forte todos os dias para conquistar o meu espaço, respeitando sempre cada um dos companheiros. O grupo me recebeu muito bem. Todo mundo sonha em vestir a camisa do Vasco, um clube que possui uma tradição enorme, então quero agarrar essa chance”, disse o jogador.

Aos 22 anos, Lucas pertence à Chapecoense e esteve emprestado para a Ponte Preta em 2018. No meio-campo vascaíno, terá a concorrência de outros jovens jogadores que já tiveram chances com Alberto Valentim no ano passado.

“Esse período de preparação foi muito bom. Nossa equipe aproveitou muito bem os treinamentos. Eu estou me sentindo bem, e me considero preparado para jogar se o professor optar por mim. A disputa pela titularidade vai ser sadia, pois os outros são grandes jogadores. Vai ser bom para o Vasco e para o Valentim, que vai ter uma dor de cabeça boa para escalar o time titular”, completou.

Lucas já está regularizado e, por isso, ficará à disposição do treinador vascaíno para a estreia na Taça Guanabara, neste sábado, a partir das 16h50 (horário de Brasília), contra o Madureira, no Estádio Conselheiro Galvão, casa do Tricolor Suburbano.

Dois reforços não regularizados

De todos os reforços, apenas dois ainda não foram regularizados e, por isso, ainda não tem estreia garantida neste sábado. Yan Sasse e Raul Cáceres não tiveram suas situações regularizadas e aguardam a diretoria do clube correr contra o tempo para que isto aconteça. A situação do lateral é um pouco mais cautelosa, já que ele veio através de uma transferência internacional. A documentação de sua vinda (para a federação, não para o clube) ainda não chegou e, com isso, Claudio Winck deve ser o titular na partida contra o Madureira.

Já o caso de Yan é um pouco mais simples. Falta apenas um documento ser escaneado para a CBF para que o jogador seja regularizado. O restante dos atletas: Winck, Fellipe Bastos, Ribamar, Bruno César, Lucas Mineiro e Danilo Barcelos estão com as situações regularizadas e prontos para jogo. Apenas Fellipe não estará disponível por causa de uma lesão, oriunda ainda de quando atuava pelo Sport na temporada passada.

Sobrinho de ex-jogador começa a construir sua história no Vasco