Novo reforço do Vasco: “oportunidade da minha vida”

Allan Leibovici

, Vasco

Ao lado do volante Fellipe Bastos, experiente e em sua terceira passagem pelo Vasco, o clube também apresentou uma jovem promessa, vindo do Coritiba. Yan Sasse, de 21, o meia ainda é bem tímido e pouco falou durante sua coletiva. Porém, disse o que os torcedores do cruzmaltino gostariam de ouvir.

Dupla de reforços devidamente apresentada ( Foto: Carlos Gregório Júnior | Vasco )

“Decidi vir para cá pela grandeza do Vasco. Sei que é a oportunidade da minha vida estar aqui, vou dar meu máximo”, afirmou.

Pouco conhecido no cenário nacional, o jogador foi perguntado sobre suas características, mas limitou-se a dizer que aos poucos, será descoberto.

“Difícil falar. Torcida vai conhecer aos poucos. Aqui é um clube muito grande. Tenho que mostrar muito trabalho para com certeza fazer um bom ano”, completou.

Alexandre Faria, diretor executivo de futebol do clube, foi o responsável pelas apresentações e destacou que Sassi teve o total aval do treinador Alberto Valentim. O jogador atuou 31 vezes em 2018 pelo Coritiba, com cinco gols marcados.

“Vem por empréstimo até fim de 2019, com Vasco com possibilidade de adquirir os direitos com valores fixados. Alberto sempre elogiou ele muito e foi unanimidade na nossa análise. Que tenha muito sucesso no Vasco”, disse o dirigente.

Mais reforços

Além de apresentar os dois atletas, Alexandre ainda deu informações sobre negociações que estão em andamento e podem ser fechadas em breve.

O volante Lucas Mineiro, que pertence à Chapecoense e estava emprestado para a Ponte Preta, chegou ao Rio de Janeiro neste sábado para assinar contrato e fazer exames médicos. O empréstimo é válido por uma temporada, com opção de compra.

Lucas é o oitavo reforço do clube, que já apresentou os outros sete: Bruno César, Ribamar, Claudio Winck, Raul Cáceres, Danilo Barcellos, Fellipe Bastos e Yan Sasse.

O nono reforço pode ser o atacante Rossi, que pertence ao Shenzen, da China. Entre o clube carioca e o jogador está tudo acertado, restando apenas a liberação por parte do time chinês. Rossi se destacou na Chapecoense, antes de ser vendido para a China. No ano passado, atuou por empréstimo pelo Internacional.

Empresário de Diego Souza dispara: “ele vai ficar onde está”