Gum comenta saída do Fluminense

Paulo Chagas

, Fluminense

A saída do Fluminense deixou marcas em Gum. Ídolo do Tricolor Carioca, o zagueiro não renovou contrato com o clube, após nove anos e meio nas Laranjeiras. Com propostas de Grêmio, Chapecoense e CSA, o defensor segue privilegiado no mercado, apesar dos 32 anos. Mas a forma como a saída do Flu foi conduzida ainda incomoda o zagueiro.

Em entrevista ao site NetFlu, Gum não deu detalhes sobre a sua saída do Fluminense. Entretanto, o zagueiro afirmou que, assim que acertar com algum clube, irá abrir o jogo sobre tudo o que aconteceu nos seus últimos anos no Tricolor: “De repente, mais pra frente a gente fala com um pouco mais calma. Quando eu for anunciado (por outro clube), posso falar de forma mais aberta e abrir o meu coração”, disse Gum.

Gum agradece carinho

Gum em ação pelo Fluminense

Zagueiro Gum chegou ao Fluminense em 2009 (Foto: Mauricio Lima | AFP)

Com mais de nove anos no Fluminense, Gum era o principal líder do elenco tricolor. Bicampeão brasileiro, o zagueiro era querido não só pela torcida. Jogadores e ex-atletas do Tricolor homenagearam o defensor nas redes sociais. Para Gum, as reações são fruto do bom trabalho.

Apesar de estar incerto sobre uma possível volta ao Fluminense, em funções de administrativas ou até como técnico, Gum fala com carinho da sua passagem pelo Tricolor. Para o zagueiro, o reconhecimento de pessoas importantes do clube só demonstra que os nove anos e meio de Flu valeram à pena.

“O futuro a Deus pertence. Eu sou muito tranquilo, focado. Tudo o que eu faço é com amor, respeito, sempre buscando o melhor. Uma pessoa ou outra às vezes fala mal porque não me conhece. Agora, quem trabalhou comigo, eu vejo declarações com respeito e carinho e isso eu fico feliz. Muitas vezes não é fácil, mas isso faz ver que valeu a pena. Se as pessoas hoje falam sobre nossas lutas com carinho, é porque valeu à pena”, concluiu o defensor.

https://esporte24horas.com.br/2019/01/05/meia-do-sao-paulo-vira-alvo-do-fluminense/