Radar da base: Saiba quem pode se destacar por Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco em 2019

Para quem acompanha de perto os campeonatos de base do futebol carioca, sabe que Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco assumiram um papel importante no cenário nacional: o de formar jogadores.

Os clubes vivem momentos financeiros distintos, mas isso não diminui os investimentos nas divisões amadoras. Por isso, os dirigentes apostam em obras nos centros de treinamentos para a base. Além disso, intensificaram o trabalho de observação e de captação de jovens atletas pelo Brasil. Isso, inclusive, inclui a busca por jogadores em países vizinhos como Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai.

Dessa forma, os quatro grandes do futebol carioca colecionam bons resultados recentes em competições regionais, nacionais e internacionais.

Com isso, o Esporte 24 Horas, selecionou alguns jogadores para apresentar ao torcedor. Afinal de contas, algumas promessas podem aparecer no time profissional durante a temporada 2019. A lista destaca jogadores para os três setores do campo e quem pode despontar nesta temporada.

Marcelo Pitaluga | Goleiro | Fluminense

Marcelo Pitaluga em ação pelo Fluminense

Marcelo Pitaluga é um grande pegador de pênaltis (Foto: Lucas Merçon | Fluminense)

Cria do futsal do Vasco, o goleiro chegou aos nove anos no Fluminense. Ele é conhecido pela frieza debaixo das traves. Com apenas 16 anos, chama a atenção pela habilidade e elasticidade. O jogador é convocado com frequência para treinar entre os profissionais do elenco tricolor. Marcelo Pitaluga pode ser promovido ao posto de terceiro goleiro caso o clube não renove o contrato de Júlio César. Entretanto, o atleta não deve ter grandes oportunidades nesta temporada.

Klebinho | Lateral | Flamengo

Klebinho em ação pelo Flamengo

Klebinho vem pedindo passagem nos profissionais do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza | Flamengo)

É apontado como solução para a criticada lateral-direita do Flamengo. O jogador tem boas chances de iniciar a temporada entre os profissionais. Ele acumula passagens pelos times de base da Seleção Brasileira. Dessa forma, pode ganhar espaço no elenco caso a diretoria negocie o lateral Pará com o Al-Ittihad, da Arábia Saudita. No entanto, pode seguir esperando por uma oportunidade caso Rafinha, do Bayern de Munique, da Alemanha, seja contratado.

Matheus Dantas | Zagueiro | Flamengo

Matheus Dantas em ação pelo Flamengo

Matheus Dantas é um exímio cobrador de faltas (Foto: Gilvan de Souza | Flamengo)

Zagueiro Campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2018. É considerado um defensor promissor no clube, tanto que deve ter chance no grupo principal do Flamengo após a saída de Réver. A tendência é que seja a sexta opção para a zaga rubro-negra, que atualmente conta com: Léo Duarte, Rodrigo Caio, Rhodolfo, Juan e Matheus Thuller. No entanto, o técnico Abel Braga pode relacionar o atleta para a disputa da Flórida Cup.

Helerson | Zagueiro | Botafogo

Helerson em ação pelo Botafogo

Helerson é tido como uma das grandes revelações do Botafogo nos últimos anos (Foto: Vitor Silva | Botafogo)

É um zagueiro canhoto, característica rara no futebol brasileiro, que tem habilidade com a bola nos pés. Além disso, chama a atenção na marcação homem a homem. No último ano, entrou na mira do Estoril, de Portugal, após boas atuações nas divisões de base do Botafogo. Além disso, recentemente chamou a atenção de observadores de clubes como Olympique de Marselha, da França e Porto, de Portugal. O jogador pode receber algumas oportunidades no elenco profissional caso o clube acerte a venda de Igor Rabello para o Atlético-MG.

Marcos Pedro | Lateral | Fluminense

Marcos Pedro em ação pelo Fluminense

Marcos Pedro é tido como o futuro lateral do time profissional do Fluminense (Foto: Lucas Merçon | Fluminense)

É titular absoluto da lateral-esquerda desde que foi contratado pelo Fluminense. O jogador tem postura ofensiva e obsessão por fazer gols. É visto com frequência no ataque seja com cruzamentos, passes ou buscando o gol. Após a saída de Ayrton Lucas, a expectativa de todos no clube é que Marcos Pedro seja a sobra de Marlon no elenco profissional tricolor.

Hugo Moura | Volante | Flamengo

Hugo Moura em ação pelo Flamengo

Hugo Moura é tido como um jogador moderno pelo Flamengo (Foto: Gilvan de Souza | Flamengo)

É considerado um jogador de muita marcação, que tem bom passe e capacidade para aparecer como elemento surpresa no ataque. É candidato a uma vaga em setor bastante concorrido no Flamengo, mas o volante é visto internamente como um jogador de grande potencial. Vale lembrar que o técnico Abel Braga conta com: Cuéllar, Piris da Motta, Willian Arão e Jean Lucas para o setor.

Wenderson | Volante | Botafogo

Wenderson em ação pelo Botafogo

Wenderson será promovido aos profissionais nesta temporada (Foto: Vitor Silva | Botafogo)

É considerado um bom articulador. Trabalha a bola com serenidade e, é o responsável por fazer a transição da defesa para o meio. O jogador exerce forte marcação sobre o adversário e tem bom passe. É tido como o substituto natural de Matheus Fernandes nos profissionais do Botafogo.

Renier | Meia | Flamengo

Renier em ação pelo Flamengo

Renier está no radar de importantes clubes da Europa (Foto: Gilvan de Souza | Flamengo)

É o nome mais badalado da base do Flamengo após o surgimento de Vinícius Júnior. Aos 16 anos, o meia acumula convocações para as seleções de base do Brasil. Além disso, está cotado para ser aproveitado pelo técnico Abel Braga nesta temporada. É bom finalizador, tem bom passe e tem capacidade para abrir espaços para os companheiros.

Igor Cássio | Atacante | Botafogo

Igor Cássio em ação pelo Botafogo

Goleador na base, Igor Cássio vai disputar o Carioca 2019 pelo Botafogo (Foto: Vitor Silva | Botafogo)

O jogador tem boa presença de área. No último ano, ele se tornou artilheiro do time Sub-20 após a saída de Renan Gorne para o Paysandu. O atacante surge como esperança de gols para o elenco profissional alvinegro nesta temporada. Internamente, a diretoria acredita que Igor Cássio tem tudo para ser a revelação do próximo Campeonato Carioca.

Vitor Gabriel | Atacante | Flamengo

Vitor Gabriel em ação pelo Flamengo

Vitor Gabriel é apontado pelo torcedor como a solução para o ataque rubro-negro (Foto: Gilvan de Souza | Flamengo)

Cria do Nova Iguaçu, ele atuava como ponta pelos dois lados do campo. Passou a jogar como centroavante, pelo meio, na área, após Lincoln ser promovido aos profissionais do Flamengo. Apelidado de “Touro” na base rubro-negra, ele chama a atenção pelo porte físico avantajado, pela velocidade e por ter um potente chute.

Marcos Paulo | Atacante | Fluminense

Marcos Paulo em ação pelo Fluminense

Marcos Paulo será utilizado por Fernando Diniz nos profissionais do Fluminense (Foto: Lucas Merçon | Fluminense)

É um jogador versátil. Atuou em mais de uma função nos times de base do Fluminense. Trabalha bem como meia clássico. Como ponta, joga tanto pela direita quanto pela esquerda Além disso, desempenha muito bem o papel de como centroavante. O atacante, inclusive, tem sido convocado com frequência para treinos da Seleção Sub-17, de Portugal.

João Pedro | Atacante | Fluminense

João Pedro em ação pelo Fluminense

João Pedro vai atuar pelos profissionais do Fluminense antes de seguir para a Europa (Foto: Lucas Merçon | Fluminense)

Atacante rápido e habilidoso, eu trabalho em treinos com os profissionais e chamou a atenção dos técnicos Abel Braga e Marcelo Oliveira. Foi negociado recentemente com o Watford, da Inglaterra, mas será integrado ao elenco tricolor para a disputa do Campeonato Carioca.

Thalles Magno | Atacante | Vasco

Thalles Magno em ação pelo Vasco

Thalles Magno entrou no radar de importantes clubes da Europa (Foto: Rafael Ribeiro | Vasco)

O atacante tem velocidade, habilidade e força. Acumula convocações para a Seleção Brasileira Sub-17. O desempenho na base o colocou no radar do Sporting, de Portugal, que adquiriu a preferência para comprar o atleta em troca da liberação de Bruno César para o Vasco. Além disso, chegou a ter seu desempenho analisado por observadores do Benfica, de Portugal, Mônaco, da França e Hoffenheim, da Alemanha.

Gilmar Popoca se orgulha dos ‘Garotos do Ninho’