Milan perde para Juventus no San Siro

Neste domingo, o Milan perdeu, em casa, para Juventus, por 2 a 0, pela 12ª rodada do Campeonato Italiano. O resultado mantém a equipe rossonera, em quinto lugar, com 21 pontos, uma posição abaixo da zona de classificação para a Champions League. Já a Vecchia Signora segue na liderança do Calcio, com 34 pontos, seis a mais que o segundo colocado Napoli.

Com a pausa para a Data Fifa, o Campeonato Italiano só volta no fim de novembro. No dia 25, o Milan tem confronto direto contra a quarta colocada Lazio, no Estádio Olímpico de Roma. Já a Juventus enfrenta a Spal, no dia anterior, no Juventus Stadium.

Juventus domina e vence Milan

Superior desde os primeiros minutos de jogo, a Juventus abriu o placar logo aos 7’. O brasileiro Alex Sandro cruzou com perfeição na cabeça de Mandzukic, que abriu o placar. Pressionado, o Milan não conseguia se desvencilhar da força ofensiva da Vecchia Signora. Mandzukic quase ampliou, em cabeçada após cruzamento de Cristiano Ronaldo.

Com o passar do tempo, a Juventus foi diminuindo a voltagem e o Milan começou a chegar com perigo. Primeiro, com Suso, em chute da intermediária. Logo depois, o árbitro, com o auxílio do VAR, marca pênalti de Benatia, após toque de mão. O ex-Juventus Higuaín tinha a chance de empatar o jogo, mas mandou a bola no travessão.

Na volta do segundo tempo, o Milan conseguiu igualar as ações, com chances de Çalhanoglu e Higuaín. A Juventus respondeu com Dybala e Cristiano Ronaldo. Mas quem tem o gajo, tem tudo.  João Cancelo fez boa jogada pela direita de ataque e chutou cruzado. Donnarumma espalmou para o meio da área e Cristiano Ronaldo não perdoou: 2 a 0.

Logo depois do gol da Juventus, Higuain complicou ainda mais a vida do Milan. O atacante fez falta dura em Benatia e recebeu cartão amarelo. Logo depois, o argentino reclamou de forma ríspida com o árbitro da partida e foi expulso. Com um a mais, a Vecchia Signora conseguiu controlar os minutos finais de jogo com muito mais tranquilidade.